McLaren P1 é levado ao seu máximo

vigilante | | 1 Comentários | 2975 Visualizações

McLaren P1 levado ao máximo

Mesmo custando 1,3 milhões de dólares, restam apenas 100 unidades deste carro, que tem apaixonado cada vez mais os fãs da McLaren e os adeptos do mundo automóvel no geral

A McLaren está a apostar fortemente no seu supercarro híbrido! Foram produzidas 375 unidades desta super máquina e restam apenas 100, sendo que a maioria dos carros foram vendidos na Europa, nos Estados Unidos e no Médio Oriente. Em declarações à revista Autocar, um executivo da marca afirmou “estamos à frente das nossas metas e ainda temos centenas de perspetivas de vendas, que poderão fazer sucesso na nossa lista”.

Relembro que o P1 foi introduzido este ano no Salão de Genebra. A marca espera que o carro venda todas as suas unidades até ao final do verão no hemisfério norte. Atualmente os testes à durabilidade do P1 continuam, e cada vez mais se leva esta super máquina ao limite. Foi o que aconteceu algures na Antárctida, onde se pretende mostrar ao rival LaFerrari, que o P1 é o melhor carro do mundo.

O motor do P1 é um V8 biturbo, que em conjunto com outro motor elétrico, produz 916 cavalos e 91,7 de torque, já para não falar que vai dos 0 aos 100 km/h em menos de 3 segundos. Para além disso e sendo ainda mais surpreendente, consegue chegar a uns incríveis 300 km/h em cerca de 17 segundos!

Se já estão boquiabertos esperem até verem o vídeo da fabricante! Podem ver o mesmo de seguida:

1 Comentário

Inicie sessão ou registe-se para comentar.