Renault Twizy já tem preço

MotoresPT | | 7 Comentários | 1240 Visualizações

O Renault Twizy, que teve recentemente uma apresentação aos jornalistas em Espanha, chegará a Portugal em Abril. O preço já é conhecido e começa nos 6.990 euros.

Tal como tem sido revelado nos últimos meses, o Renault Twizy faz parte da gama de modelos totalmente eléctricos da marca francesa. Este em particular tem como característica principal ter apenas dois lugares, posicionados um atrás do outro.

O Renault Twizy estará disponível em duas versões. O Twizy 45 possui um motor eléctrico de 9 cv e está limitado a uma circulação em espaços urbanos. Para esta versão não é necessária a carta de condução. O preço varia entre os 6.990 euros e os 7.790 euros, dependendo do nível de equipamento escolhido.

A outra versão disponível é o Twizy 85, com um motor eléctrico de 17 cv de potência. Esta já pode circular em todas as estradas e tem uma velocidade máxima limitada aos 85 km/h. O seu preço começa nos 7.690 e acaba nos 8.490 euros, uma vez mais dependendo do tipo de equipamento escolhido.

Este veículo totalmente eléctrico tem uma autonomia máxima de 100 km, no entanto, com um «pé mais pesado» a autonomia desce para os 60/70 km. Para carregar são necessárias 3h30m.

Tal como acontece noutros veículos eléctricos, as baterias são alugadas mensalmente. Para uma utilização de 7.500 km/ano o custo é de 60 euros por mês.

7 Comentários

  1. QMaia

    O preço nao é mau tendo em conta os outros carros electricos, embora o pagamento do aluguer das baterias mensalmente seja motivo para pensar num pouco…

  2. MiguelGP

    Pois, a parte do pagamento do aluguer das baterias, é que pronto, deixa o pessoal de pé atrás .

    Por um lado é engraçado, mas por outro, em Portugal, postos de carregamento , são poucos ou nenhuns, imaginem lá ficar sem bateria … é chato …

    As cidades deveriam apostar mais , em disponibilizar estes postos , e quando digo cidades, não é só Lisboa, Porto e Faro , mas sim abranger o território nacional , com uma rede .

  3. Cris

    É necessário pagar esta mensalidade pelo aluguer das baterias, no entanto cerca de 1,5e é o suficiente para se fazer cerca de 100 km, muito longe do preço dos combustíveis fósseis. Quem gasta mais de 60e de gasóleo/gasolina por mês consegue poupar dinheiro. Para além disso, esta mensalidade inclui todas as actualizações de baterias que possam existir e assistência 24h/24h para falta de energia ou outro tipo de problemas, o que é um descanso para as pessoas. Penso que é uma ideia bem conseguida.

  4. QMaia

    Estamos a falar da capital, logo e natural que tenha uns quantos sitios.
    No distrito do Porto so conheco 2 sitios para carregamentos, um perto da igreja da Lapa (num bairro) e outro no aeroporto…

    Esse valor de combustivel mensal no caso do twizy traduz-se no aluguer das baterias, fora que tens de acrescentar 45 euros de carregamentos (30X1,5€) supondo que utilizas o carro todos os dias ate acabar a bateria.

  5. Mfk33

    Não gosto nada desse “carro”, deu ontem uma reportagem sobre ele e (aparentemente) nem sequer tem direcção assistida e as portas são um opcional, custam 500 € e nem sequer têm janela (ou seja, se estiver a chover a chuva cai lá dentro). Preferia um “papa-reformas” (um quadriciclo) a gasolina, ao menos esse vem com direcção assistida, vidros eléctricos e mais extras.
    Tenho uma dúvida: a mensalidade é vitalícia? É que li numa revista que, no caso do Renault Fluence Z.E., a mensalidade apenas se paga durante três anos…

Inicie sessão ou registe-se para comentar.