Criar Diário

VW Golf 1.6 Highline

maseratti | | 5 Comentários | 2883 Visualizações

  • Marca
  • Modelo
    Golf 1.6 Highline
  • Motor
    1600
  • Cor
    Preto
  • Potência (CV/NM)
    101
  • Utilização
    Diária
  • Quilómetros
    N/A
  • Data Matrícula
    1998
  • Consumos
  • Urbano
    --.- l/100km
  • Extra-Urbano
    --.- l/100km

Sobre o Carro

Tenho vários carros.
Felizmente tenho tido oportunidade de ir tendo os carros que sempre apreciei ao longo dos tempos.
Naturalmente, falo dos carros “normais”, do dia-a-dia…
À medida que vou podendo, vou trocando uns pelos outros.
Um dos carros que sempre admirei desde pequeno, foram os VW Golf, e como tal, não descansei enquanto não arranjei um.
Gostei de todos os modelos dos Golf até à versão IV, a partir daí, não desgostando, penso que perderam alguma mística…

Por várias razões, a minha escolha não recaía na “típica” versão TDI (sem sombra de dúvida, a versão mais vendida do Golf IV), e assim sendo, restavam-me poucas opções. 1.8 GTI, 1.6 ou 1.4
Ora, o GTI é relativamente raro, e um pouco caro para o que pretendia gastar. Assim sendo, restavam-me as opções 1.4 e 1.6, e face à informação que fui recolhendo, pareceu-me certo de que o 1.6 era o que procurava.
Devo dizer que não foi fácil, porque dadas as características do nosso mercado, venderam-se poucos 1.6, e por isso, não abundam destes modelos no mercado de usados.

A versão em questão é a Highline, com motor 1600cc e 101cv com 8v. Mais tarde surgiu uma versão de 16v com 105cv, que pouca diferença faz a nível de prestações/consumo, notando-se apenas uma maior desenvoltura em altos regimes, graças ao multi-válvulas.

A opinião geral acerca do carro é muito boa.
Robusto, seguro, relativamente despachado sem ser um desportivo, e algo gastador, embora seja expectável de um 1600 com este peso.
A qualidade de construção é o que se espera de um VW, e é claramente surpreendente para um carro de 98 (13 anos).
A bordo, poucos são os ruídos parasitas e a insonorização do habitáculo é excelente.
Da versão Highline, destaco o tecto de abrir eléctrico, os bancos desportivos, o computador de bordo e o volante de 3 raios/manete de velocidades forrados a pele.

Dentro do que se vê no mercado de usados, na base da relação preço/qualidade, sem ter especial atenção nos consumos, penso que é das melhores opções que se podem encontrar.
Friso que me refiro ao ano de fabrico; design; qualidade de construção; robustez e fiabilidade… não me refiro a consumos nem a aspectos práticos! Para isso, aconselho os clios e os ibizas.

Aspectos Positivos

  • N/A

Aspectos Negativos

  • N/A

Extras / Alterações

Motor

  • N/A

Audio

  • N/A

Interior

  • N/A

Exterior

  • N/A

Imagens

5 Comentários

  1. maseratti

    E já agora, antes de me darem na cabeça, o meu nick é Maseratti (com dois TT´s), que nada tem a ver com a Maserati… é um nick que uso há muito tempo, que por coincidência é parecido com a marca de automóveis, e neste site pode induzir em erro!

  2. Miguel Lucas

    Olá Maseratti (não tem qualquer problema com o seu nick hehe)

    Um diário-de-bordo muito completo. Na minha opinião a escolha da motorização vai pesar muito se um dia quiser vender o carro, hoje em dia o consumidor procura motores fiáveis e que consumam pouco, e tal como disse não é o caso deste 1.6 (refiro-me aos consumos e não à fiabilidade).

    Parece estar em muito bom estado, nota-se que há preocupação. Nem parece ser de 1998.

    Vá dando novidades, grande abraço.

  3. maseratti

    Eu referi os consumos, tendo em conta a maioria das pessoas, que procuram carros a gasóleo (sem que se apercebam que o gasóleo está quase ao preço da gasolina), ou então citadinos 1.2, que gastam cerca de 5lt.
    Obviamente que não é o caso deste, apesar de achar que 7,5l/100kms, para um carro que já não é um “carrito” e com 1.600cc, não é exagerado!
    Enquanto as mentalidades estiverem viradas para o gasóleo, não reflectindo o seu preço actual, terá sempre menos valor comercial, mas isso joga contra na hora de vender, e a favor na hora de comprar.
    Comprei-o mais barato do que compraria a versão TDI.

  4. theaceofspades

    A febre do gasóleo é impressionante. Julgo q há pessoas q não fazem bem as contas.
    Parabéns maseratti por teres escolhido um óptimo carro, por menos dinheiro, menos kms e em melhor estado que um a diesel!
    Óptimo carro, pena mm o motor muito pouco nervoso…………mas de resto é muito bom!
    Abraço

  5. maseratti

    Obrigado!!!
    O motor não é muuuiiito nervoso, mas também não é assim tão lento!
    Puxa bastante bem, especialmente em baixas. Acho que entre o motor e a carroçaria fica um bom compromisso!
    Se gastasse menos 2lts, era perfeito!!

Inicie sessão ou registe-se para comentar.